UOL Assine

UOL Assine

quinta-feira, 3 de fevereiro de 2011

Suplente André Ceciliano acusado de vários crimes pelo MP toma posse como deputado, e aí ?

.
O povo votou em Carlos Minc e Rodrigo Neves, do PT, Filipe Peixoto, do PDT, e Christino Áureo, do PMN, eleitos para serem deputados estaduais, vão deixar o legislativo para assumirem cargos no executivo.

Mas e o povo que votou neles para serem deputados estaduais ???

Eles não prometeram isso e aquilo como Deputados Estaduais ???

Para variar, o povo que se fo...

Enquanto isso, assumiu o ex-prefeito de Paracambi, André Ceciliano, todo enrolado na justiça, acusado de vários crimes. O nobre nega todos.

Sinceramente, há muita coisa a se mudar no Brasil, enquanto não se fizer um reforma política séria, a ZONA vai continuar.

Por exemplo, o deputado para assumir um cargo no executivo deveria renunciar ao mandado, com certeza, isso iria fazer os parlamentares pensarem muito no assunto.

Em tempo, olha que curioso, leia o post que eu fiz abaixo no dia 11 de setembro de 2010:

CRIME ELEITORAL - Prefeito de Paracambi dispensa 1300 servidores para evento eleitoral de Sérgio Cabral

Reprodução do site G1.com


No terceiro dia de trabalhos, já tem deputado se despedindo da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj). Quatro vão ocupar cargos de secretários estaduais e abrem vaga para suplentes. Um dos novos parlamentares é acusado pelo Ministério Público de fraude em licitação e falsificação de documento.

Os suplentes ganharam o direito de assumir uma cadeira na Alerj depois que quatro parlamentares pediram licença para integrar o secretariado do governador Sérgio Cabral – Carlos Minc e Rodrigo Neves, do PT, Filipe Peixoto, do PDT, e Christino Áureo, do PMN.

Entre os que chegam agora está André Ceciliano (PT), ex-prefeito de Paracambi, na Baixada Fluminense, e réu em duas ações movidas pelo Ministério Público.

Ele é acusado de usar documento falso. O promotor afirma que André Ceciliano tentou criminosamente ludibriar o Tribunal de Contas do Estado encaminhando cópia de uma lei com redação falsificada.

O novo deputado também está sendo acusado pelo Ministério Público de ter comprado móveis escolares sem licitação.

As denúncias do Ministério Público já foram aceitas pela Justiça, em Paracambi. Agora com a posse, o deputado passará a ter foro privilegiado e o processo será encaminhado para o Tribunal de Justiça.

André Ceciliano diz que as acusações são perseguição política. "Político não tem que se explicar. Só em tá se explicando é ruim. Mas a gente tem o momento oportuno de se defender, de ser notificado, e a gente vai passar por isso tranquilo”, disse Ceciliano.

Idosa evita 'saidinha de banco', no RJ, diz PM, e outras notícias do Rio de Janeiro

.
Hoje tivemos assaltos, mortes, bandidos presos, e até uma mochila sequestrada, e o Governador Sérgio Cabral ainda diz que "a violência é uma página virada no Rio".

Então tá, fazer o que ?

É o povo que se fo..., o Cabral tem centenas de segurança, carro blindado, e batedores.

.
Idosa evita 'saidinha de banco', no RJ, diz PM
Policiais militares foram alertados e prenderam suspeito em flagrante.
PM reforça orientação de que não se deve reagir a tentativa de assalto.
Uma mulher, de 75 anos, conseguiu escapar de um suspeito, de 31 anos, após reagir a uma tentativa de assalto nesta quinta-feira (3) em Queimados, na Baixada Fluminense. Segundo o 24º BPM (Queimados), a idosa tinha sacado cerca de R$ 900 num banco no centro do município e foi abordada no caminho de casa por um homem que tentou roubar sua bolsa.
Ainda de acordo com os policiais, a idosa se envolveu numa luta corporal com o suspeito. Pedestres viram a cena e alertaram policiais do 24º BPM que estavam próximos ao local.
A Polícia Militar reforça a orientação de que não se deve reagir a nenhuma tentativa de assalto.
O suspeito foi preso em flagrante e levado para a 56ª DP (Comendador Soares), central de flagrantes da região. A idosa teve ferimentos leves no braço, mas, segundo a polícia, preferiu seguir para casa sem ser atendida por bombeiros...mais clique aqui

Bandido rouba mochila de médico e exige R$ 2.000 para entregá-la
Suspeito acabou preso; bolsa tinha material cirúrgico de alto valor
Um homem foi preso nesta quinta-feira (3) após roubar a mochila de um oftamologista e exigir, por telefone, R$ 2.000 para devolvê-la. O roubo aconteceu no dia anterior, na Tijuca, na zona norte do Rio de Janeiro.
A bolsa do médico continha material cirúrgico de alto valor. Após o roubo, o criminoso, de 21 anos, e um comparsa ligaram para a vítima e exigiram dinheiro para entregar a mochila.
Após ser avisada, a polícia montou um cerco no bairro do Méier, na zona norte, para tentar capturar o bandido em um local marcado para a entrega do dinheiro. Houve uma mudança do lugar e o suspeito acabou sendo preso no vizinho bairro de Lins de Vasconcelos.
Á polícia, o preso contou que uma outra pessoa pediu para que ele intermediasse a entrega da mochila e o recebimento do dinheiro.
http://noticias.r7.com/rio-de-janeiro/noticias/bandido-rouba-mochila-de-medico-e-exige-r-2-000-para-entrega-la-20110203.html
Policiais prendem homem armado em Ipanema
RIO - Policiais do 23ºBPM (Leblon) prenderam um homem armado com um revólver calibre 38 na Rua Prudente de Moraes, em Ipanema, no fim da tarde desta quinta-feira. Os policiais faziam uma patrulha na região quando desconfiaram de três homens que estavam em atitude suspeita próximo ao supermercado Zona Sul. Com a aproximação dos agentes, dois deles conseguiram fugir a pé, na direção de Copacabana. Com o homem preso, ainda não identificado, foram encontrados um cordão e um anel de ouro. Ele foi levado para a 14ªDP (Leblon)...mais clique aqui

Suspeito é morto em tiroteio com a polícia em Irajá
RIO - Um suspeito, não identificado, morreu durante uma troca de tiros com policiais do 41ºBPM (Irajá), na Favela do Ficap, no Jardim América, Zona Norte, na noite desta quinta-feira. De acordo com os policiais, eles estavam fazendo patrulhamento de rotina e foram atacados por traficantes. Com o suspeito, foi encontrada quantidade não contabilizada de maconha, cocaína e crack, além de uma pistola calibre 380. O caso está sendo registrado na 39ªDP (Pavuna)...mais clique aqui

Homem é morto a facadas em São João de Meriti
Crime ocorreu na localidade de São Mateus
Um homem foi morto a facadas na tarde desta quinta-feira (3) na localidade de São Mateus, em São João de Meriti, na Baixada Fluminense, segundo informações do Serviço Reservado do batalhão da Polícia Militar do município (21º BPM).
A vítima foi identificada como Rodrigo Silva Souza, de 26 anos. Ele foi achado em uma casa abandonada na rua João Costa, perto da linha férrea. Segundo testemunhas, ele seria viciado em drogas e vagava pela rua...mais clique aqui

Bope prende traficante conhecido como Carcaça
Bandido foi flagrado em comunidade de Belford Roxo
Policiais militares do Bope (Batalhão de Operações Especiais (Bope) prenderam nesta quinta-feira (3) um traficante conhecido pelo apelido de Carcaça na comunidade da Palmeira, em Belford Roxo, na Baixada Fluminense.
Segundo os PMs, o suspeito é gerente do tráfico no local. Com ele, foram apreendidas uma pistola, pedras de crack e vários radiotransmissores.
Carcaça estava em um bar junto com um comparsa, que também foi preso...mais clique aqui

Traficante é morto e duas granadas são apreendidas em Macaé
Na ação, um adolescente de 15 anos foi apreendido
Um traficante foi morto e um menor de 15 anos apreendido durante uma operação da Polícia Militar na favela Nova Holanda, em Macaé, no Norte Fluminense, na tarde desta quinta-feira (3).
Com os suspeitos, a polícia informou ter apreendido duas granadas de fabricação caseira, um revólver e um radiotransmissor...mais clique aqui

Traficante conhecido como Zé Galinha é morto na zona norte
PMs e bandidos trocaram tiros na favela da Ficap, em Jardim América
Um traficante conhecido como Zé Galinha foi morto em uma troca de tiros com PMs na noite desta quinta-feira (3) na comunidade Ficap, em Jardim América, na zona norte do Rio de Janeiro.
Segundo a PM, bandidos receberam os policiais do GAT (Grupamento de Ações Táticas) do 41º batalhão (Irajá) a tiros. Houve revide.
Baleado, Zé Galinha foi levado para o hospital Getúlio Vargas, na Penha, na zona norte, mas não resistiu aos ferimentos. Ele seria gerente do tráfico na comunidade.
Com o criminoso, a polícia apreendeu uma pistola, além de cocaína, crack e maconha...mais clique aqui

Três suspeitos de tráfico são presos em favela pacificada da Tijuca
Foram recolhidas 687 pedras de crack, além de maconha
Policiais militares da UPP (Unidade de Polícia Pacificadora) prenderam um suspeito por tráfico de drogas e detiveram outros dois na manhã desta quinta-feira (3) no morro da Formiga, na Tijuca, zona norte do Rio de Janeiro.
Com eles, os PMs recolheram 687 pedras de crack, 278 sacolés de cocaína, 143 trouxinhas de maconha e um saco com pó branco de aproximadamente um quilo, dinheiro e anotações sobre a movimentação financeira do tráfico...mais clique aqui

Olheiro do tráfico é preso na baixada
Ele estava com rádio de comunição e fogos de artifício
Agentes da DRFC (Delegacia de Roubos e Furtos de Cargas) prenderam um suspeito de ser olheiro do tráfico de drogas na comunidade Jardim Ana Clara, em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, na manhã desta quinta-feira (3).
O criminoso, de 21 anos, estava com um radiotransmissor e grande quantidade de fogos de artifício. Os olheiros informam aos traficantes sobre a chegada de policiais ou de pessoas estranhas na comunidade.
O suspeito preso já tinha duas anotações criminais por tráfico de drogas e uma por porte ilegal de armas...mais clique aqui

Homem esfaqueia mulher ao flagrá-la com outro na cama
Suspeito foi preso e levado para a delegacia; vítima foi hospitalizada
Um homem foi preso na tarde desta quinta-feira (3) suspeito de esfaquear a mulher na localidade de Austin, em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense.
Segundo a Polícia Militar, ele teria flagrado a companheira com outro homem na cama e praticou a agressão.
A mulher foi levada para o hospital da Posse, no mesmo município, mas não corre risco de morte. O agressor foi levado para a delegacia de Comendador Soares (56ª DP)...mais clique aqui

Loja de eletrodomésticos é assaltada no centro do Rio, diz PM
Dupla retirou dinheiro e fugiu; montante não foi revelado
Dois homens armados assaltaram a loja do Ponto Frio que funciona no largo da Carioca, no centro do Rio de Janeiro, na tarde desta quinta-feira (3). As informações são do batalhão da Polícia Militar da praça Tiradentes (13º BPM).
Segundo a sala de operações da unidade, armados com pistolas, os ladrões foram até o segundo andar da loja onde ficam os caixas, roubaram dinheiro e fugiram. O montante ainda não foi revelado.
O caso foi registrado na delegacia da avenida Gomes Freire (5ª DP)...mais clique aqui

Foragido é preso após ser denunciado por agressão pelo filho de 7 anos
Ao chegar à DP, polícia descobriu que suspeito era foragido
Um homem de 37 anos foi preso na quarta-feira (3), em São Gonçalo, região metropolitana, após denúncia de seu filho, que disse sofrer constantes agressões. O menino, de 7 anos, fez a queixa em um posto de polícia no bairro Barro Vermelho, no mesmo município.
Os agentes foram atrás do suspeito, que foi preso e levado à Delegacia de Neves (73ª DP). Lá, os policiais descobriram que ele participava do tráfico de drogas na favela Nova Holanda, no Complexo da Maré, zona norte da capital.
Os policiais também constataram que o pai do menino era foragido da polícia e tem expedido contra si quatro mandados de prisão...mais clique aqui

Bicheiros detidos usavam máquinas no lugar de talões para apostas
Polícia investiga para onde eram enviadas as informações registradas nas máquinas
Policiais da Delegacia da Praça da Bandeira (18ª DP) detiveram, na manhã desta quinta-feira (3), nas imediações do Maracanã, zona norte do Rio, quatro homens que usavam máquinas eletrônicas para registrar apostas de jogo do bicho.
Segundo os agentes, as quatro máquinas apreendidas substituem os antigos talonários. O delegado Rodolfo Waldeck determinou que o material fosse encaminhado à perícia para que se identifique a central de apostas, para onde são enviados os dados.
Os detidos foram autuados e responderão em liberdade por contravenção penal. De acordo com o delegado, as operações de repressão a atividade ilegal irão continuar naquela região...mais clique aqui

PM prende dez traficantes em Angra dos Reis
Entre os envolvidos, está um adolescente de 14 anos
A Polícia Militar prendeu nove traficantes e deteve um menor de 14 anos na madrugada desta quinta-feira (3) na comunidade Japuíba, em Angra dos Reis, na região Sul Fluminense.
Com eles, foram apreendidos dez sacolés de cocaína, 15 pedras de crack, 21 trouxinhas de maconha e material para embalar drogas...mais clique aqui

Três suspeitos de tráfico são presos em favela pacificada da Tijuca
Foram recolhidas 687 pedras de crack, além de maconha
Policiais militares da UPP (Unidade de Polícia Pacificadora) prenderam um suspeito por tráfico de drogas e detiveram outros dois na manhã desta quinta-feira (3) no morro da Formiga, na Tijuca, zona norte do Rio de Janeiro.
Com eles, os PMs recolheram 687 pedras de crack, 278 sacolés de cocaína, 143 trouxinhas de maconha e um saco com pó branco de aproximadamente um quilo, dinheiro e anotações sobre a movimentação financeira do tráfico...mais clique aqui

Suspeito de matar mulher e enterrar corpo se entrega à polícia
Ele alegou legítima defesa, mas para a polícia o crime foi premeditado
Suspeito de matar a golpes de foice e jogar o corpo de Edilaine Cristina Rodrigues dos Santos dentro de um poço, em Itaguaí, na Baixada Fluminense, José Moreira do Nascimento foi preso na noite desta quarta-feira (2).
Ele se apresentou na Delegacia de Campo Grande (35ª DP), acompanhado de um advogado. Levado para a Delegacia de Itaguaí (50ª DP), que investiga o caso, o suspeito alegou legítima defesa.
- Ele disse que a vítima foi até a casa dele, onde já havia trabalhado fazendo a limpeza. Enquanto ele estava no banheiro, ela teria furtado R$ 150 dele. Eles discutiram e ela deu uma facada nele. Depois teria dito que conhecia traficantes de favela, que iria pegar uma granada e explodir tudo – contou o delegado Júlio Cesar Vasconcelos.
O policial, no entanto, não acredita na versão de Zé Cabeção.
- Um amigo dele que ajudou a ocultar o cadáver disse que, assim que a vítima entrou na casa do suspeito, ele trancou a porta e disse que não abriria mais para ninguém. Caso perguntassem por ele, era pra dizer que não estava. Depois disso, o amigo disse ter ouvido gritos de socorro de Edilaine. Para nós, o crime foi premeditado.
Outro fator que derruba a versão do suspeito é o fato de ele ter desferido golpes de foice na vítima, mesmo com ela já desfalecida. Depois, resolveu jogar o corpo no poço, nos fundos do quintal da própria casa. Ele amarrou uma pedra e furou a vítima com arame para que o corpo afundasse.
- Depois, ele ainda pagou dois homens para aterrarem o poço, mas a estratégia dele não deu certo. Agora, vai responder por homicídio qualificado e ocultação de cadáver. Já o amigo dele, vai responder só por ocultação de cadáver...mais clique aqui

Em Pernambuco, policiais militares obrigam presos a se beijarem

.
Não gosto de vagabundo, e acho que lugar de bandido é na cadeia.

Mas sou contra qualquer abuso, ou tortura contra presos, isso é INACEITÁVEL.

O pior, quando se tortura presos, é a sociedade que pagará, já que um dias eles sairão mais revoltados.

Veja o vídeo do abuso cometido pelos policiais.



Reprodução do Globo on line.



RECIFE - Um vídeo divulgado na internet mostra o momento de humilhação a que dois presos são submetidos em Pernambuco. Eles são obrigados por policiais militares a se beijarem diante de câmeras de celulares. A gravação, que pode ter sido feita em uma delegacia, permite identificar a farda da Rádio Patrulha da Polícia Militar de Pernambuco.

Na imagem, um dos policiais envolvidos aparece encapuzado. O abuso foi divulgado nesta quinta-feira pelo Jornal do Commercio.

O secretário de Defesa Social, Wilson Damásio, prometeu punição para os culpados pelas humilhações.

- Isso será tratado como investigação criminal. Nosso pessoal vai apurar para que tudo isso seja esclarecido. Os nomes dos envolvidos estão registrados na delegacia - afirma.

Este é o segundo caso divulgado de abuso cometido por policiais militares em Pernambuco. Na semana passada, um vídeo mostrou policiais militares maltratando presos já dominados na praia de Piedade, em Jaboatão dos Guararapes. Um agente chegou a prender a cabeça de um homem com o pé, na areia da praia, com a onda chegando e cobrindo o rosto do suspeito. Os detidos eram suspeitos de ter invadido o edifício do vice-governador do estado. (NETV: Veja imagens dos abusos na Praia de Piedade )

O secretário reafirmou que a Corregedoria de Polícia está agindo para que também este caso não fique sem punição. Segundo Damázio, a ação foi truculenta e a Corregedoria está já em fase adiantada de apuração.

- Certamente ali pode acontecer a sanção disciplinar ou até a exclusão do policial - diz.

A Ordem dos Advogados do Brasil divulgou uma nota sobre o caso dos abusos cometidos pelos policiais na praia de Piedade. A OAB considera que o comportamento dos PMs é uma ameaça à sociedade e pede a punição dos agressores.

Loucura !!! Prefeito Eduardo Paes manda fechar o Terminal Misericórdia na Praça XV

.
Esse foi mais um dos ABSURDOS que o povo é obrigado a presenciar praticados por esse Prefeito Eduardo Paes, sem nenhum tipo de aviso, e atendendo a um "pedido" do Presidente do TJ, o Desembargador Luiz Zveiter, o alcaide manda fechar o terminal de ônibus da Praça XV.

Motivo, o Tribunal de Justiça "resolveu" construir uma "pracinha", e o povo ???

Até hoje quero saber aonde vão passar os carros quando o Prefeito Eduardo Paes derrubar a perimetral ???

Não sei mais o que dizer, não sei mas o que fazer, o Rio de Janeiro está dominado, meia dúzia de pessoas estão se apropriando do Estado, para a seu bel prazer, fazer as mais eróticas e loucas ações !!!

E o povo que se fo....

Até quando seremos obrigado a sofrer com tantos ABSURDOS ???

O próprio Ministério Público disse que o alcaide Eduardo Paes afrontou a lei.

E aí ???

A CAGADA foi tão grande que o Prefeito Eduardo Paes foi obrigado a voltar a trás, e mandou reabir o terminal de ônibus.

Isso é uma vergonha !!!

Reprodução do Globo on line.



RIO - Após o fechamento do Terminal Misericórdia, na Praça XV, sem qualquer aviso prévio, o prefeito Eduardo Paes voltou atrás e decidiu reabrir o local imediatamente. O fechamento, na madrugada desta quinta-feira, foi a pedido do presidente do Tribunal de Justiça (TJRJ), Luiz Zveiter, que planeja construir uma praça monitorada por câmeras no local. A prefeitura, agora, terá que encontrar uma solução para que o funcionamento do terminal possa conviver com as obras de reurbanização da área, que começam, segundo o TJRJ, em 30 dias.

O fechamento do terminal aconteceu por volta das 5h desta quinta-feira, quando agentes de segurança e PMs pegaram de surpresa os rodoviários e usuários dos ônibus. Operários da empresa Delta chegaram a cercar o terminal com tapumes, mas após a decisão da prefeitura, eles foram retirados.

Desinformados, os passageiros ficaram revoltados e chegaram a ameaçar promover um tumulto à tarde, quando eles embarcam no local com destino à Zona Oeste do Rio e para municípios do Grande Rio. O Departamento de Transportes Rodoviários (Detro), responsável pelas linhas intermunicipais que possuem pontos no Terminal Misericórdia, também não havia sido informado do fechamento.

O prefeito acompanhava o governador Sérgio Cabral no Complexo do Alemão, onde eles deram início a um conjunto de obras emergenciais e serviços municipais para a região. Ao ser perguntado sobre o fechamento, o prefeito Eduardo Paes preferiu não polemizar:

- O importante é que está tudo resolvido.

Mais cedo, o presidente do TJRJ explicou a decisão:

- A desativação do terminal foi um antigo pedido meu ao prefeito Eduardo Paes. Ele prometeu fechar o local ainda durante o meu mandato na presidência do TJ, que termina nesta sexta-feira. O local será arborizado e revitalizado - disse Zveiter.

As obras de revitalização da área do entorno do Complexo Judiciário está incluída no gasto total das obras, no valor de R$ 250 milhões, que incluíram a construção das edificações da 2ª Instância Criminal e da Diretoria de Tecnologia da Informação (DGTEC), além da restauração do antigo Palácio da Justiça, inauguradas em novembro do ano passado. Os recursos são provenientes do Fundo Especial do TJRJ, criado em 1996 e ampliado em 1999, a fim de dar autonomia financeira ao Judiciário estadual.

Para o promotor Rodrigo Terra, da promotoria de Defesa do Consumidor, a prefeitura feriu o princípio básico do Código do Direito do Consumidor ao fechar o Terminal Misericórdia sem informar previamente aos usuários.

- Houve uma lesão coletiva ao consumidor, que tem o direito sagrado de ser informado quando ocorrem mudanças nos seus hábitos de consumo. O fechamento do terminal só poderia ocorrer após uma programação que não impactasse os hábitos dos usuários e dos rodoviários - disse.

Antes da decisão do prefeito de reabrir o terminal, o promotor estava preparando uma ação civil pública para investigar a possível violação do direito do consumidor. Ele também enviaria uma recomendação ao prefeito para reabrir o local e só fechá-lo depois de ampla informação para os usuários, inclusive com a definição dos novos pontos de ônibus.

O presidente da Associação dos Usuários de Transportes Coletivos (AUTC), Waldir Cardoso, disse que vai mandar um ofício de protesto ao prefeito Eduardo Paes pelo fechamento do terminal. No mesmo ofício, Cardoso vai sugerir ao prefeito que revitalize e mantenha o terminal na Praça do Expedicionária, mas em condições decentes para os usuários e rodoviários:

- O terminal não pode sair dali porque não há outro espaço no Centro e ele desempenha um papel importante de integração de transportes coletivos. Fechar o terminal sem avisar aos usuários foi uma estupidez, um desrespeito a milhares de trabalhadores. Imaginem se os milhares de usuários chegassem lá hoje à tarde e não soubessem onde iriam embarcar nos ônibus? Haveria um conflito - disse.

Cardoso informou que, além de mandar ofício ao prefeito, vai recorrer à Justiça com uma medida preventiva para evitar novo frechamento do terminal:

- Se o Tribunal de Justiça está preocupado com assaltos no local que peça reforço de policiamento assim como pediu para a casa do presidente do TJ em Niterói - concluiu.

Assessor do Governo Sérgio Cabral é o principal suspeito de um assassinato, e pessoas do "governo" sabiam da ameaça

.
Uma homem assassinado, tudo indicava que era um crime passional, mas agora envolve pessoas que trabalham no Palácio da Guanabara, e dossiês (matéria abaixo jornal O Globo).

Para os leigos, o Palácio da Guanabara é onde trabalha e despacha o Governador Sérgio Cabral.

A vítima em maio do ano passado, foi presa por porte de munições. Familiares acusam o suposto assassino de tê-lo incriminado. O processo corre em segredo de justiça.

O mais estranho, vejam o que disse o irmão da vítima:

"- O meu irmão foi morto na covardia com quatro tiros, um deles pelas costas. Rafael avisou ao governo que estava sendo ameaçado por esse assessor há meses. Ele fez um dossiê, e eles (pessoas ligadas ao governo) disseram que era para deixar a denúncia de lado, pois a pessoa seria afastada. Agora meu irmão está morto. Foi executado. Isso tem que ser esclarecido - disse Clemente."

O irmão da vítima disse que "avisou ao governo que estava sendo ameaçado", diz ainda "que fez um dossiê", e que pessoas "ligadas ao governo" disseram para deixar a denúncia de lado, não entendi ???

Deixar a denúncia de lado ? Qual seria a denúncia ? Uma ameaça ?

Para isso é preciso fazer um dossiê ?

No mínimo uma aberração, uma irresponsabilidade, pessoas ligadas ao Governo Sérgio Cabral sabiam que uma homem estava sendo ameaçado de morte, e não fizeram nada ???

E esse negócio de dossiê, do que se trata ?

A família da vítima disse que ele estava sendo perseguido, por que ?

Tudo isso seria por motivos passionais ?

Sinceramente, existe muita lama nesse Governo do Sérgio Cabral, eu sei o que digo, com certeza, eu não duvido que por trás dessa morte tenha muita sujeira.

A polícia diz que está investigando, como todo o respeito, para mim isso não significa nada.

Em tempo, a vítima enviou cópias do dossiê para o Ministério Público, a Assembleia Legislativa e a OAB.

Esse dossiê tem que aparecer, cadê as cópias ?

Vamos aguardar.

Reprodução do Globo on line.



RIO - O principal suspeito do assassinato do babalawó e jornalista cubano Rafael Zamora Diaz, de 51 anos, morto a tiros na noite de terça-feira seria, segundo parentes da vítima, um assessor do Palácio Guanabara. Rafael era presidente da Sociedade de Ifá e Cultura Afro-Cubana no Brasil. Clemente Zamora, irmão da vítima, disse que o crime teria sido cometido, ou encomendado, após o religioso ter se envolvido com a mulher do assessor, que teria passado a ameaçá-lo em telefonemas e através da internet. Rafael elaborou um dossiê e enviou cópias para o Ministério Público, a Assembleia Legislativa e a OAB.

- O meu irmão foi morto na covardia com quatro tiros, um deles pelas costas. Rafael avisou ao governo que estava sendo ameaçado por esse assessor há meses. Ele fez um dossiê, e eles (pessoas ligadas ao governo) disseram que era para deixar a denúncia de lado, pois a pessoa seria afastada. Agora meu irmão está morto. Foi executado. Isso tem que ser esclarecido - disse Clemente.

Com medo das ameaças, o babalawó teria instalado duas câmeras na porta de sua casa. A assessoria do Palácio Guanabara disse ontem apenas que o caso está sendo investigado pela polícia.

Felipe Ettore, delegado titular da Delegacia de Homicídios (DH), que investiga o crime, afirmou nesta quarta-feira que, apesar do dossiê e das acusações da família, nenhuma linha de investigação será descartada.

O líder religioso foi baleado diversas vezes enquanto estacionava o seu carro, por volta das 22h de terça-feira, em uma praça da Rua Cosme Velho, esquina com a Ladeira dos Guararapes, no Cosme Velho, onde ele morava com o filho. A vítima estava há 20 anos no Brasil. Em maio do ano passado, foi preso por porte de munições. Familiares acusam o suposto assassino de tê-lo incriminado. O processo corre em segredo de justiça.

Durante anos, Rafael foi jornalista. Na década de 80, trabalhou como cinegrafista do presidente cubano Fidel Castro. Segundo Clemente, ele continuava mantendo contatos com Fidel. Rafael esteve em Cuba pela última vez há oito anos. Na casa do líder religioso, fotografias demonstram a amizade que ele tinha com o Fidel.

Deputado que presidiu CPI diz que milícias estão em 300 comunidades

.
O Governador Sérgio Cabral gosta de dizer que "nunca tantos milicianos foram presos como no seu governo", de certa forma ele tem razão.

Mas antes eram poucos milicianos, agoram são milhares, por isso o número de prisões aumentaram.

Uma coisa é certa, hoje a milícia está mais forte do que antes, conforme matérias abaixo publicadas em alguns jornais.

Polícia é obrigada a reconhecer que milícia agora vende drogas e está mais forte

Com a queda do tráfico a milícia vem crescendo assustadoramente no Rio de Janeiro

Milícia aproveita golpe no tráfico e ataca na Zona Norte

Milicianos chegam a Zona Sul, e já ameaçam moradores e cobram por serviços em Copacabana

Não se iludam, hoje no Governo Sérgio Cabral a milícia está mais forte, poderosa, já atuam no tráfico de drogas, e estão ocupando comunidades "pacificadas".

Traficante e miliciano são bandidos, e lugar de vagabundo é na CADEIA.

Uma pergunta que não quer calar, Governador Sérgio Cabral por que a milícia está crescendo tanto no seu governo ?

Por fim, outra pergunta, por que nenhuma medida sugerida no relatório da CPI das milícias a nivel estadual não foi adotada Sr. Sérgio Cabral ?

Reprodução do site R7.

Autor da CPI das Milícias da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro, o deputado estadual Marcelo Freixo (PSOL) disse ao R7 que o número de comunidades controladas por grupos paramilitares pode chegar a 300 atualmente. O político acredita que a venda de drogas em favelas dominadas pela milícia vai ser algo cada vez mais comum.

- Milícia é negócio. Esse discurso contra o tráfico é só para conseguir uma aceitação da sociedade. Na verdade, eles querem dinheiro e certamente vão fazer novos negócios.

Segundo ele, as sucessivas prisões de milicianos nos últimos anos foram importantes porque mudaram a visão que a sociedade tinha desses grupos, mas diz que o combate às milícias ainda é ineficiente, pois a polícia do Rio não tem a cultura da investigação, apenas a da repressão.

- Milícia não se combate fazendo operações em favelas, como se faz com o tráfico. É preciso investigação porque a milícia não é um grupo marginal. A milícia está dentro do Estado.

Para o deputado, é preciso atacar o lado financeiro das milícias, que é o que as sustenta, mas isso não foi feito até agora.

- Algumas autoridades tratavam a milícia como algo bom, como alternativa ao tráfico ou polícia comunitária. Provamos que não era nada disso e a visão das pessoas mudou. O problema é que não se combate a milícia da mesma forma como se combate o varejo da droga.

Número de prisões aumentou 5.000% de 2006 a 2009

Em 2006, apenas cinco milicianos foram presos. No ano seguinte, foram 29 presos. Em 2008, ano da instauração da CPI, esse número subiu para 78. Já em 2009, a polícia do Rio bateu o recorde de prisões de pessoas envolvidas com milícias: 250. O crescimento percentual de 2006 a 2009 foi de 5.000%. Em 2010, o número, que vinha crescendo, caiu em relação ao ano anterior, com 141 prisões. Os números são da Secretaria de Segurança Pública do Rio.

- No final do relatório da CPI, nós elaboramos 58 propostas, mas nenhuma delas saiu do papel até agora. Uma das principais é uma licitação individual para o transporte alternativo. A licitação por cooperativa acaba por autorizar a exploração do setor pela milícia. Outro ponto é a regulamentação do transporte alternativo. Em muitos lugares ele é o único que existe. Assim, ele deixará de ser alternativo.

Entre as principais propostas também estão a tipificação de milícia como crime no código penal e a desmilitarização do Corpo de Bombeiros, que prevê o fim do porte de armas para agentes.

O combate às milícias rendeu ao deputado a reeleição em 2009, como segundo deputado estadual mais votado, com mais de 170 mil votos. Por outro lado, as constantes ameaças de morte o obrigam a andar de carro blindado e cercado por seguranças.

- Caso não fosse reeleito, teria que deixar o país. Perderia toda a estrutura de segurança pessoal e certamente seria morto.

Descaso na saúde do Rio - Falta de médico, vida em risco

.
A saúde pública no Rio de Janeiro, e no Brasil, me desculpem, mas é uma MERDA, um total desrespeito com o povo, sorte de quem pode pagar um plano de saúde, mas e a maioria ???

Leiam abaixo essa matéria do jornal o Dia, e tirem as suas conclusões.

E reze para que você possa pagar um plano de saúde, por que se depender dos políticos também de MERDA, a morte é certa.

Isso é uma vergonha !



Rio - Com apenas 2 anos, Bruna Pereira Brandão já enfrenta o drama de depender da rede pública de saúde. Desde que nasceu, ela sofre de atresia de vias biliares — doença cuja única cura é o transplante de fígado. Após meses de sofrida procura, finalmente apareceu um doador. Mas a cirurgia não pode ser feita. Motivo: não há anestesista no Hospital Federal de Bonsucesso, única unidade conveniada ao SUS que faz esse tipo de operação em crianças.

O caso de Bruna não é o único. O hospital paralisou estas cirurgias desde janeiro, quando o último anestesista da equipe de transplantes de fígado pediu demissão, devido a problemas de pagamento. Com isso, 350 pacientes correm risco de morrer, assim como Bruna, segundo a ONG Dohe Fígado.

OUTRAS DOENÇAS

A mãe de Bruna, Talita Pereira Brandão, 21, já perdeu as contas de quantas vezes a filha foi internada desde os 3 meses. Por causa do problema, ela também sofre de deficiência de cálcio e tem imunidade baixa: quebrou o braço quatro vezes e teve bronquite e pneumonia três vezes.

“Os médicos disseram que ela deveria fazer o transplante, ou poderia morrer. Então começamos a procurar”, contou Talita, que ficou aliviada ao saber que o transplante poderia ser ‘intervivos’ — procedimento no qual uma parte do fígado de uma pessoa viva é transplantada para o receptor. O fígado tem a capacidade de se regenerar, o que ocorre tanto no órgão do doador quanto no do paciente.

Depois de quatro meses, finalmente a família encontrou uma doadora compatível: Mayara Karla Freitas, 20, amiga de Talita. Mas, ao contrário do que se imaginava, a dificuldade de encontrar doador revelou-se inimigo muito mais inofensivo do que o que a família enfrenta agora: a falta de médico na rede pública.

“A gente pensa que a pior parte é achar doador. Estávamos contentes porque a Bruna ia finalmente ter a chance de se recuperar. Quando o médico deu a notícía, foi um baque”, desabafou Mayara.

Solução ainda sem prazo

Segundo o Ministério da Saúde, transplantes de fígado em adultos programados para o Hospital de Bonsucesso serão realizados pelo Hospital dos Servidores. Pacientes menores de 14 serão encaminhados à regulação do Estado — órgão reponsável por encontrar vagas em outros hospitais. O ministério diz que anestesistas estão sendo treinados, mas não há prazo para começarem a trabalhar.

Reportagem de Clarissa Mello e Pâmela Oliveira

Cliente reclama da Brastemp na internet, conquista o twitter e resolve o seu problema

.
A força da internet mais uma vez de comprova.

Viva a rede, viva a internet, e viva as redes sociais.

A internet é a maior arma da democracia.

Vida eterna para a internet.

Reprodução da Folha de São Paulo on line.

Um vídeo na internet com queixas de um cliente colocou a Brastemp entre os assuntos mais comentados no Twitter na última sexta e resolveu um problema que se arrastava havia três meses.
Após frustradas tentativas de consertar sua geladeira e de pagar o fabricante para trocar o produto por um novo, Oswaldo Borrelli, 58, tornou pública sua insatisfação.

Após a repercussão do caso, o produto foi trocado.

"Foi uma atitude de cidadão de saco cheio. Depois do vídeo, um monte de gente da empresa me ligou pedindo desculpas", afirmou Borrelli.
Até ontem à tarde, o vídeo tinha sido visto 205 mil vezes (veja: www.folha.com.br/110323). No Twitter, Borrelli atingiu 2.565 seguidores, pouco menos que os 3.605 votos que teve em 2010 na disputa por uma vaga na Assembleia Legislativa.
A Brastemp diz que houve "falha humana", e que reforçou o treinamento. "A internet mudou o relacionamento com o cliente. O canal tem que ser usado para diálogo", diz Claudia Sender, diretora de marketing da Whirlpool.
(GUILHERME CHAMMAS)

O povo do Rio de Janeiro reprova em massa a eleição de José Sarney para presidente do Senado

.
Reprodução do jornal O Dia on line.

E vocês acham que aqueles safados dos senadores que elegeram José Sarney estão preocupados com a opinião pública ?

Eles querem é saber apenas de $$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$

Isso é uma VERGONHA !

Governador Sérgio Cabral se recusa a receber carta da mãe de menina Joanna

.
Sérgio Cabral não teve coragem de receber mãe da menina Joanna, que desejava entregar uma carta de repúdio pela nomeação, pasmem, do Sr. Antônio Carlos Biscaia como subsecretário de Direitos Humanos e Territórios do Estado

Durante o processo de guarda da menina Joanna, Biscaia, que é ex-secretário Nacional de Justiça e ex-secretário Nacional de Segurança Pública, teria ameaçado um oficial de justiça que realizava um mandato de busca e apreensão.

Alguém deveria criar um chá de "coragem" ou de "descência" para receitar ao Exmo. Sérgio Cabral.

Em tempo, na minha opinião esse Biscaia deveria ser exonerado imediatamente.

Reprodução do site R7.


A mãe da menina Joanna, morta em julho de 2010, não conseguiu entregar nesta quarta-feira (2) ao governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral uma carta de repúdio pelo fato de Antônio Carlos Biscaia ter sido nomeado como subsecretário de Direitos Humanos e Territórios do Estado. Segundo informações da assessoria do governo, Cabral pediu para que o chefe da Polícia Civil, Allan Turnowski, cuide pessoalmente do caso.

Cristina esteve no Palácio Guanabara, em Laranjeiras, na zona sul, no começo da tarde e não conseguiu um encontro com Cabral. A mãe da menina Joanna recebeu a orientação para que a carta fosse deixada, que seria entregue posteriormente ao governador.

- Para ficar em uma gaveta qualquer, eu prefiro deixar a carta em casa.

A indignação de Cristiane é pelo fato de Biscaia ser tio do pai de Joanna, André Marins, suspeito de ter cometido maus tratos contra a filha, que morreu em razão de uma meningite após ficar 26 dias em coma. A mãe da menina pretende que Sérgio Cabral interfira na nomeação do subsecretário.

- Ele [Sérgio Cabral] tentou passar o caso para a Polícia Civil, mas isso não é caso de polícia, é caso de política.

Durante o processo de guarda da menina Joanna, Biscaia, que é ex-secretário Nacional de Justiça e ex-secretário Nacional de Segurança Pública, teria ameaçado um oficial de justiça que realizava um mandato de busca e apreensão.

Entenda o caso

A menina Joanna, vítima de maus tratos, morreu no CTI do Hospital Amiu, em Botafogo, zona sul do Rio. Ela foi internada na unidade depois de passar por dois hospitais em Jacarepaguá e na Barra da Tijuca, zona oeste da cidade. Além de ter tido várias convulsões, ela apresentava hematomas nas pernas e marcas nas nádegas e no tórax, que aparentavam queimaduras.

A partir daí, Cristiane Marcenal passou a acusar de maus tratos contra Joanna seu ex-marido, que tinha a guarda da menina na época. Ele negou e atribui os ferimentos a sucessivas crises de convulsão.

André Marins é acusado dos crimes hediondos de tortura e de homicídio qualificado. Ele está preso desde o dia 25 de outubro. O depoimento de uma babá à polícia foi decisivo para a prisão. Ela contou ter visto certa vez a menina enrolada em fita crepe e toda suja de urina e fezes na casa do pai.

Durante as investigações da Delegacia da Criança e do Adolescente Vítima (Dcav), foi descoberto que, além dos maus tratos, a criança tinha sido atendida por um falso médico no Hospital RioMar, na Barra da Tijuca. Ela ficou 28 dias internada no Hospital Amiu.


Polícia é obrigada a reconhecer que milícia agora vende drogas e está mais forte

.
Uma informação que a polícia negava e escondia, acabou sendo revelada, a milícia agora está vendendo drogas, ou seja, assumindo o lugar do tráfico de drogas, conforme matéria abaixo do site R7 (abaixo).


Temos visto muito se falar em UPP's, mas e as milícias ?

Já postei aqui no blog várias vezes que a milícia hoje está mais forte que o tráfico de drogas, e muito graças a "ajuda" do Governo Sérgio Cabral.

No dia 30/11/2010 eu comentei uma matéria da Folha de São Paulo , que denunciava que "Tráfico em baixo dá espaço para a milícia", manchete abaixo, clique aqui e leia.

No dia 1/12/2010 eu comentei uma matéria do Extra, que denunciava "Sai o tráfico, entra a milícia", manchete abaixo, clique aqui e leia.


Tal fato é muito PERIGOSO, parece que a milícia está sendo substituída pelos traficantes, e pasmem, isso com a "colaboração" do Governo Sérgio Cabral.

As UPP's de Cabral e Beltrame tem feito os traficantes se mudarem, e deixando as milícias assumirem os territórios, e isso quem diz não sou eu, são os jornais Folha de São Paulo e o Extra.


E aí Governador Sérgio Cabral e Sr. José Mariano Beltrame como explicar esse fortalecimento da milícia ?

Não tem conversa lugar e traficante e miliciano é na CADEIA.

Reprodução do site R7.


O titular da delegacia de Campo Grande (35ª DP), na zona oeste do Rio de Janeiro, Luís Cláudio Cruz, afirmou ter informações de que os remanescentes das duas principais milícias que dominavam a região passaram a atuar no tráfico de drogas. Segundo ele, os bandidos passaram a vender entorpecentes em seus redutos.

- Temos indícios de que os integrantes da milícia estariam migrando para atividades de tráfico.

No ano passado, o R7 revelou que um acordo feito entre os milicianos e os traficantes fez com que a venda de drogas fosse permitida em dois redutos paramilitares de Campo Grande: as comunidades da Carobinha e do Barbante. Entretanto, a polícia nunca falou oficialmente que as quadrilhas formadas por policiais e ex-policiais comercializam entorpecentes.

Cruz não quis divulgar os locais onde os milicianos comercializariam drogas nem de que forma ela é feita sob a alegação de que a investigação é sigilosa.
Segundo ele, a iniciativa dos grupos paramilitares de vender entorpecentes é resultado da repressão às quadrilhas nos últimos anos.

Ainda de acordo com Cruz, pelo menos 30 milicianos com mandados de prisão estão sendo procurados atualmente no bairro, muitos deles policiais e ex-policiais. Para preservar as investigações, ele só confirma o nome de um, que é também o mais procurado: o ex-PM Toni Angelo da Silva, integrante da milícia controlada por Batman.

O delegado afirmou, no entanto, que os milicianos não atuam mais de forma organizada. Segundo ele, existe a suspeita de que eles ainda cobrariam para fazer segurança de comerciantes na região.- Hoje, não existe grupo hegemônico. Eles estão desestruturados. Agem de forma isolada - afirmou